Pesquisar músicos:

Alexandre Paiva
* 02/08/1956 Rio de Janeiro, RJ, Brasil.
Instrumentista, arranjador, compositor.
emailwebsite

As lembranças musicais mais antigas de Alexandre Paiva têm apenas um cenário: sua mãe dando aulas de piano. Mas foi bem mais tarde, aos 19 anos, que ele começou a estudar música. 

Em 1975 aprendeu cavaquinho com Raul Machado; depois, teoria com Adamo Prince.
 
“Raul Machado era músico amador, excelente violonista, e suas aulas se resumiam a ensinar os acordes e a passar algumas batidas. Com o Adamo, aprendi muito com o próprio método dele (Método Prince, 3 vols., Lumiar Editora, 1993), que já formou muitos músicos.”
 
A vontade de tocar bem” o acompanhou desde o início. E Claudionor Cruz, que considera um dos músicos decisivos em sua formação, foi quem lhe ensinou “a importância de tocar com arranjos e a privilegiar o grupo e não o individual. Para mim, isso é fundamental”
 
Outro músico igualmente importante em sua formação: Téo de Oliveira, violonista que integrou o Galo Preto – grupo do qual Alexandre Paiva foi um dos fundadores, em 1975.
 
“Téo é dono de uma fantástica mão direita. Só o fato de tocar com ele me fez evoluir muito na parte rítmica.”
 
Alexandre considera-se autodidata “principalmente no aprendizado das variações de batidas, na base da experimentação”
 
“Com Raul Machado, aprendi quase tudo o que sei, principalmente como tocar cavaquinho com suavidade.  
Com Claudionor Cruz, aprendi a importância de tocar em grupo, valorizando os arranjos.
 
Com todos os companheiros que passaram pelos grupos ‘Galo Preto’ e ‘Passagem de Nível’, dos quais sou integrante e fundador, aprendi a importância de valorizar mais o coletivo do que o individual, o profissionalismo, a colocar acima de tudo a qualidade, e a opção de tocar só o que gostamos, mesmo que isto implique, como normalmente acontece, em menos faturamento.
 
Com Hermeto Pascoal, aprendi a humildade e a valorizar muito as pessoas que, independentemente de serem músicos, simplesmente amam a música.”
 
Dos músicos com quem conviveu e convive, aprendeu muito.

 

Leia mais...

Contato

Todos os direitos reservados (c) 2008 - 2009
Banco de Música Serviços de Comunicação e Cultura Ltda.